Autor: Ana Sirgado

Resumo: Algumas versões portuguesas do romance bíblico Tamar (IGR: 0140) integram fórmulas próprias de La penitencia del hermano incestuoso (IGRV: 0121), um tema vulgar devoto cuja preservação pela memória nacional estava ainda por identificar. A presença deste romance em actualizações poéticas de Oviedo, da Galiza, de Leão, de Zamora e de Salamanca já havia sido analisada por Salazar (1995, 2015), que destacou tanto a existência autónoma do tema em território espanhol, como a incorporação do respectivo discurso poético em formas contaminadas de outros romances. Por conseguinte, o presente estudo tem como objectivo analisar este novo testemunho português, bem como o papel desempenhado pela contaminação, um fenómeno de reelaboração poética do romanceiro tradicional, na preservação de temas raros deste género pan‑hispânico.

Palavras-chave: Romanceiro vulgar; romanceiro tradicional português; Tamar; La penitencia del hermano incestuoso; variação; contaminação.

Intervalo de páginas: 77-88

DOI: 10.34619/z11c-ht61

Acesso ao capítulo: PDF

Desenvolvido por:

Instituto de Estudos de Literatura e Tradição Faculdade de Ciências Sociais e Humanas Fundação para a Ciência e a Tecnologia

O IELT é financiado por Fundos Nacionais através da FCT – Fundação para a Ciência e Tecnologia no âmbito do projeto UIDB/00657/2020

Em parceria com:

Centro de Investigação em Artes e Comunicação Fundação para a Ciência e a Tecnologia Fundación Ramón Menéndez Pidal

Apoios

Fundação Calouste Gulbenkian Fundação Manuel Viegas Guerreiro European Association for Digital Humanities Time Machine Humanidades Digitales Hispánicas

ROMANCEIRO.PT

Colégio Almada Negreiros (Gab. 344) Campus de Campolide, Universidade Nova de Lisboa, 1099-085, Lisboa

Morada postal: Av. de Berna, 26 C, Universidade Nova de Lisboa, 1069-061, Lisboa

Email: contacto@romanceiro.pt

Telefone: +351918 832 055